Bolsas de Estudos e 10 melhores Universidades do Reino Unido

Confira as melhores instituições e bolsas de estudos na Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte

Você sabia que das 10 melhores Universidades do mundo, três estão no Reino Unido?  A renomada Oxford University seguida da eterna rival, Cambridge University ficam no topo e a Imperial College London em 9º lugar.

Num ranking que inclui instituições na Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte, 20 das melhores estão em Londres. Das 25 melhores, quatro ficam na Escócia: Universidade de Edimburgo, a Universidade de Glasgow, a Universidade de Aberdeen e a Universidade de St Andrews. No País de Gales, a Universidade de Cardiff e a Queen’s University Belfast na Irlanda do Norte estão também bem colocadas e são uma ótima opção para quem quer estudar nas terras da Rainha, mas em cidades com um custo de vida menor.

As 10 melhores do Reino Unido

 

  1. University of Oxford
    A Universidade de Oxford foi fundada no ano de 998. Mas foi em 1167, quando o rei Henrique II proibiu que ingleses estudassem na Universidade de Paris, que Oxford começou a crescer. Sua arquitetura medieval, a universidade possui vários prédios espalhados ao seu redor. Cinco reis, 47 ganhadores do Prêmio Nobel, 26 primeiros ministros britânicos, 30 líderes internacionais, 12 santos, 20 arcebispos da Igreja Anglicana, cerca de 50 ganhadores de medalha olímpica e vários outros nomes famosos da humanidade passaram por lá. Confira dicas da cidade de Oxford aqui).

    sagesolar
    sagesolar

    O ideal é começar a se programar em Junho para se aplicar entre Setembro e Outubro. Para alguns cursos, será necessário fazer um teste e entrevista. Normalmente, os resultados saem em Janeiro do ano seguinte.

    O valor dos estudos custa a partir de £9,250 (por ano/preço de 2019/2020) para quem tem cidadania britânica ou europeia e entre £24,750 e £34,678 para estudantes de outros países como o Brasil.

    A Universidade oferece algumas bolsas como a Moritz-Heyman Scholarship para residentes do Reino Unido com uma renda de até £16 mil por ano. Você pode ler mais aqui sobre outras bolsas e apoio financeiro.

  2. University of Cambridge
    As melhores e mais famosas universidades do Reino Unido, chamadas de “Oxbridge” compartilham muitos elementos em comum, principalmente as tradições. Porém, Cambridge se distingue pelos cursos de ciências, matemática e arqueologia e foca mais em pesquisa. Charles Darwin, Alan Turing e Francis Crick são alguns dos notáveis estudantes que passaram por Cambridge. Diferente de Oxford que formou políticos e escritores como Tony Blair, Philip Pullman, J R R Tolkien e C S Lewis.

    united-kingdom-2244622_1280.jpg

    Para lista completa de bolsas de estudos disponíveis, clique aqui.


     

  3. Imperial College London
    A universidade mais internacional do Reino Unido recebe estudantes de mais de 140 países todos os anos e se concentra em cursos de ciência, engenharia, medicina e negócios, além de oferecer uma ampla variedade de cursos de verão e curta duração.

    IMPERIAL_ICL_ExhibRdEntrance-120--tojpeg_1541071756620_x1
    Entre as oportunidades de bolsas de estudos, a President’s Undergraduate Scholarship está aberta para alunos que demonstram grande potencial. Clique aqui e saiba mais.


     

  4. University College London

    Conhecida como “uma potência intelectual com uma reputação de classe mundial”, a UCL é a melhor universidade do Reino Unido no campo de pesquisas; quase 30   entre ex-alunos da UCL e funcionários atuais e antigos receberam o Prêmio Nobel.

    UCL_quad
    Foto: Study London

    Durante a vida acadêmica do aluno, oferece suporte profissional e possui um centro de empreendedorismo (UCL Innovation & Enterprise), onde acontecem cursos e networking para estudantes que desejam iniciar seu próprio negócio. Para obter informações sobre financiamento e bolsas de estudos, clique aqui.


  5. London School of Economics and Political Science

    Fundada em 1895 e com excelência acadêmica e inovação nas ciências sociais, a LSE atrai regularmente importantes figuras públicas para dar palestras e participar de seminários.

    São diversos cursos de Bacharelado, Mestrado e Doutorado em economia, política e direito, sociologia, antropologia, contabilidade e finanças. Ensino e pesquisa são conduzidos através de 25 departamentos e institutos e 23 centros de pesquisa.

    LSE-logo-and-signage-on-building.jpg
    Um dos esquemas de apoio à graduação da LSE ajuda estudantes estrangeiros que não possuem os fundos necessários para cobrir todos os custos de estudo.  O valor da assistência varia de acordo com as necessidades financeiras individuais, mas os prêmios são geralmente entre £6 mil e £15 mil. Clique aqui para saber mais sobre outras bolsas de estudo na LSE.


     

  6. University of Edinburgh
    Instituição de ensino mais prestigiada da Escócia, é também uma das melhores para para quem busca cursos de artes e humanidades ou ciência da computação.

    Edinburgh-First-Old-College-Quad.jpg

    A universidades fornece vários esquemas financeiros e bolsas, brasileiros podem se candidatar aqui.


  7. King’s College London
    Considerada parte do “triângulo dourado” de universidades inglesas, juntamente com a Universidade de Oxford, Universidade de Cambridge, University College London, Imperial College London e da London School of Economics.

    students-at-kcl-strand-campus
    Foto: King’s College

    A King’s College oferece várias bolsas, além de ajuda financeira para estudantes que por algum motivo estão com dificuldades imprevistas depois do início do curso.
    >> Leia mais aqui <<


  8. University of Manchester
    A Universidade de Manchester teve 25 ganhadores do Prêmio Nobel entre seus alunos e funcionários e possui o maior número de estudantes no Reino Unido. Para saber como se inscrever em bolsas de estudos, clique aqui.

    Support-Manchester


     

  9. University of Bristol
    Primeira instituição de ensino superior no Reino Unido a admitir homens e mulheres como iguais, é também referência em sustentabilidade. A universidade ganhou vários prêmios por suas pesquisas e a cidade de Bristol foi a primeira a receber o status de European Green Capital.

    Wills Library, University of Bristol
    Há boas opções de bolsas, além de apoio financeiro para cobrir os custos de vida através do programa Santander, oferecido à estudantes da América Latina que se candidatam para cursos de mestrado em tempo integral.


     

  10. University of Warwick
    Excelente universidade para quem quer estudar cursos relacionados à artes, engenharia, medicina, economia e direito. Possui quase 10 mil estudantes internacionais, inclusive brasileiros e há várias oportunidades de financiamento que geralmente estão abertas entre novembro e maio para os cursos iniciados no ano seguinte. Entre elas, a Taught Masters Scholarship dá 100 bolsas para pós-graduação no valor de £10 mil.  A instituição também fornece assistência aos alunos com  dificuldades financeiras e filhos.

    43293021_10155748020685986_3710074144210026496_n
    Foto: University of Warwick


Dados: Times Higher Education



Outras bolsas e instituições de ensino


Universidade de York

Global Academic Excellence oferece um desconto de £5 000 no primeiro ano e a Vice-Chancellor’s Scholarship a cada ano de estudo. Abertas à estudantes de qualquer país.
>> Leia mais <<

Chevening Scholarships
Uma das melhores oportunidade de estudo no Reino Unido para cursos de pós-graduação. Quem for selecionado, terá direito a uma ajuda de custo mensal para despesas como acomodação, além de passagem aérea de ida e volta inclusa. Os valores podem variar, dependendo do curso e da cidade, mas normalmente chega a £26 mil.
>> Leia mais <<

Student finance
Os cidadãos da União Europeia e seus familiares que moram pelo menos há três anos no Reino Unido podem candidatar-se a um empréstimo para cobrir as despesas dos estudos. Você paga de volta apenas depois de formado, empregado e com salário anual de pelo menos £ 25 mil (antes de impostos).

>> Leia mais <<

Para outras informações sobre financiamento e bolsas de estudo, acesse:

 

 

10 cidades com menor custo de vida no Reino Unido

Spoiler: não é Londres.

Eleita uma das cidades mais caras do mundo, Londres possui uma grande crise imobiliária, o que encarece os custos de vida em até 70% comparado com outras cidades do Reino Unido (e da Europa). Em geral, alimentação e contas como internet e luz possuem mais ou menos o mesmo preço, mas o aluguel toma mais do que 40% do salário dos londrinos. A média é de £1,543 por mês e apesar das tentativas de estabilizar a inflação, uma pesquisa do Royal Institution of Chartered Surveyors indica que o valor do aluguel subirá 25% nos próximas anos.

É por isso que muitos que sonham em morar nas terras da Rainha, acabam considerando outras cidades.

1. Aberdeen, Escócia

aberdeen-2388766_1280.jpg
Com um custo de vida mensal muito mais acessível e com a renomada Universidade de Aberdeen, quinta universidade mais antiga do Reino Unido e também uma das mais “baratas”, a cidade atrai estudantes do mundo. Compra e aluguel de imóveis podem ser quase 50% menor do que em Londres. Dundee e Glasgow são também outras alternativas na Escócia.

2. Coventry, Inglaterra

cathedral
Foto: Visit Coventry

Localizada em West Midlands, mesma região onde fica Birmingham, Coventry é uma das dez maiores cidades da Grã-Bretanha. Para quem pensa em estudar, a Universidade de Warwick é uma boa opção. Além disso, o aluguel é mais barato e também não fica tão longe de Londres para uma visitinha.

3. Newcastle, Inglaterra

river-2283908_1280.jpg
A fama da cidade vem da noite agitada, da pele mega bronzeada e o sotaque dos geordies que são bem humorados e simpáticos. Além da vibe mais despojada, transborda cultura e história em cada canto. O aluguel de imóveis e transporte em Newcastle custa em média 45% mais barato do que Londres.

4. Manchester

imageresizer
Foto: Visit Manchester

Normalmente, Manchester é uma das primeiras alternativas de quem pretende morar na Inglaterra. Assim como Newcastle, a cidade se desenvolveu bastante durante a Revolução Industrial, hoje chama a atenção pela qualidade e custo de vida mais acessíveis. Além disso, possui vários museus incríveis e fica menos de uma hora de carro de Liverpool e 2h de trem até Londres.

5. Nottingham

26428370844_65da85aefe_z
Foto: Thinktank

Apelidada de ‘Rainha das Midlands, a cidade da lenda de Robin Hood fica no “coração da Inglaterra”. O atrativo da cidade envolve cavernas e castelos medievais, mas também a notável Universidade de Nottingham, que possui um dos melhores custo-benefício no país. Aluguel mensal para um apartamento mobilado de 85 m2 sai 63% menos do que em Londres.

6. Swansea, País de Gales

 

wales-2222932_1280

Muitas vezes esquecido no mapa, o País de Gales tem muito a oferecer. A natureza é estonteante e praias como a Rhossili Bay são consideradas uma das melhores do Reino Unido. Além da interessante cultura com influências de romanos e vikings, a qualidade de vida é alta e o custo é baixo. Aluguel também sai por quase a metade do que se paga em Londres.

7. Belfast, Irlanda do Norte

JDJ5JDEwJFpXOGN5LnJOMVhETFh5eEtTSkdMdC5vUkRWS3A5U1VRV08uTXZzcU84dmJZSGdXbDE3N1lp_480x270
Foto: Visit Belfast

Com moradia 49% mais acessível do que cidades como Londres, Cambridge e Bath, a capital da Irlanda do Norte é uma boa escolha. A média de gastos com aluguel não ultrapassam £500. Com o dinheiro que sobrar das contas, vai ser possível explorar as belezas do país que foram cenário na série de Game of Thrones. Londonderry e Newry podem ser outras opções para quem quer morar na Irlanda do Norte.

8. Blackpool, Inglaterra

beach-3516455_1280

Blackpool é uma cidade litorânea que se torna um grande destino de verão dos britânicos. Pertinho de Manchester e Liverpool para um bate-volta e com alugueis mais em conta, um studio por exemplo custa entre £260 e £280 por mês.

9. Durham

duke-university-4002778_1280


Estudar e morar na cidade é como viver em Hogwarts. Boa parte do Castelo de Durham é usado pela Universidade, que aliás é uma das mais antigas da Inglaterra, ficando atrás apenas de Oxford e Cambridge. 
Localizada entre York e Newcastle, Durham também fica menos de 2h de Edimburgo. A média de aluguel varia entre £400 e £500 por mês.

10. Liverpool, Inglaterra

beatle-3819228_1280.jpg

A cidade-natal dos Beatles dispensa introdução. Moradia custa quase metade do que custa em Londres, o que vai acabar sobrando mais para transporte, alimentação e até diversão.

 


Para mais info de valores de aluguel e compra de imóveis:

Rye, uma das cidades medievais mais bem preservadas da Inglaterra

Uma ótima opção de passeio como bate-volta na Inglaterra

Com quase cinco mil habitantes, a charmosa cidade de Rye em East Sussex é uma ótima opção de passeio como bate-volta a partir de Londres. A viagem leva menos de duas horas, com trens partindo da Estação de St. Pancras. Comprando com antecedência, o bilhete custa a partir de £5.

Uma das cidades medievais mais bem preservadas da Inglaterra, Rye era um importante porto fluvial e membro da confederação de Cinque Ports que defendia o Canal da Mancha. Até mais ou menos o século XVI, antes do rio secar, era praticamente rodeada pelo mar. Hoje em dia fica a uma distância de três quilômetros da costa, mas próxima a uma das praias mais famosas da Inglaterra, a Camber Sands. O nome já indica que é uma praia com areia de verdade e ainda por cima com uma outra raridade, dunas! As águas são cristalinas, mas BEM geladas.

Camber-Sands-high-tide
Foto: Beside The Sea

Para uma visita mais histórica, você pode visitar o Castelo de Rye, a antiga igreja de St Mary com origens normandas e a Lamb House, que foi a casa do escritor americano (naturalizado britânico) Henry James.

Um outro grande ponto turístico é a Mermaid Street com casinhas bem conservadas ladeira abaixo. Aliás, algumas casas não têm números, mas sim placas de indicação como “a casa que tem duas portas”, “a casa com a cadeira” e “a casa do lado oposto”.

10625150453_726bf922c1_z
Foto: Pug Girl

Nessa rua, fica a atração mais famosa de Rye, a Mermaid Inn. Aberta em 1156 e reconstruída em 1420, a pousada era conectada com a Ye Olde Bell Inn por uma passagem secreta usada por contrabandistas. Muitos acreditam que eles e suas amantes ainda continuam habitando a casa o que rende algumas historinhas de terror.

Em 1573, a Rainha Elizabeth I ficou hospedada em um dos “aposentos históricos” em que você pode reservar aqui – a partir de £220 por noite com café da manhã. O local também conta com restaurante que serve pratos da alto gastronomia.

Captura de Tela 2019-03-29 às 18.38.49.png


Falando em comidinhas, o The Cobbles Tea Room serve generosos potes de chá, bolos caseiros e o tradicional Afternoon Tea. Se você prefere outro tipo de bebida quente ou mesmo um milkshake, dê um pulo no Knoops. São várias as opções de chocolate com 34% a 100% de cacau, além de chocolate quente branco com raspas de limão.

Captura de Tela 2019-03-28 às 21.35.27.png

 

Depois, faça uma parada de comprinhas, na Crock and Cosy, um “brechó” com itens de cozinha e na queridinha da cidade, Rye Pottery Ltd, que fabrica e vende artefatos de cerâmica.


Foto da capa: Pug Girl